17 de set de 2012

Rsenha de Julieta Imortal

Julieta Imortal
Autora: Stacey Jay
Editora: Novo Conceito
Número de Paginas : 240
Sinopse: Julieta Capuleto não tirou a própria vida. Ela foi assassinada pela pessoa em quem mais confiava, seu marido, Romeu Montecchio, que fez o sacrifício para assegurar sua imortalidade. Mas Romeu não imaginou que Julieta também teria vida eterna e se tornaria uma agente dos Embaixadores da Luz. Por setecentos anos, Julieta lutou para preservar o amor e as vidas de inocentes, enquanto Romeu tinha por fim destruir o coração humano. Mas agora que Julieta encontrou seu amor proibido, Romeu fará de tudo que estiver ao seu alcance para destruir a felicidade dela.



Vou admitir que não sou fã de Romeu e Julieta, acho a história deles muito trágica, e eu não gosto quando as pessoas sofrem por amor. Então o que me atraiu a ler Julieta Imortal foi justamente isso, que a história de Romeu e Julieta tinha terminado de outro jeito, e pensei que seria interessante.

O começo do livro é agonizante, o Romeu é muito psicopata e no decorrer do livro ele não fica melhor não. A Julieta está insegura com a nova missão, por estar diferente das antigas e pelo fato de ter se apaixonado justo por uma das almas gêmeas que ela deveria juntar.
Essas almas gêmeas também não facilitaram em nada o trabalho da Julieta, e foram acontecendo confusões em cima de confusões, e já não conseguia imaginar como terminaria tudo.

Não posso afirmar que gostei ou que não gostei, mas o livro me prendeu do início ao fim isso é fato, não conseguia parar de ler querendo saber o que iria acontecer em seguida.
O final não me agradou muito, gostaria que certas pessoas sofressem mais, aí o final me agradaria.

2 comentários:

  1. Eu li o livro a um tempo, e também estou confusa - não sei definir muito bem se gostei ou não. Não gostei de certas coisas nesse livro, o livro começa com um jeito e depois muda para outro (a parte que eu mais gostei foi a da perseguição do comecinho, aquela no carro). A impressão que eu tive era que Shakespeare não tinha nada a ver com a estória, que só o enfiaram lá no meio, sabe?
    Não consegui me envolver, as coisas aconteciam e eu pensava "legal isso ter acontecido com fulano" mas eu não estava envolvida, não me interessei muito pelo que acontecia.
    Certas coisas no fim me deixaram confusas - nunca curi muito esses poderes que mechem com o tempo -, e certos personagens me confundiram.
    Usando um trocadilho, o que realmente é uma farsa é a sinopse e essas descrições... Não que certas coisas que ela cita não tenham acontecido, mas é que soam pretensiosas e me fizeram entender, me deram a esperança, de que fosse ser algo diferente.
    De verdade, esperava algo diferente, talvez melhor. Não sei bem o que dizer, estou confusa!

    ResponderExcluir
  2. pela resenha acho que o Romeu deve ter sofrido pouco...rsrs será?
    nao sei, mas parece interessante mesmo a história de Romeu e Julieta de uma maneira diferente da Trágica,ja tinha ouvido falar do livro mas não tinha lido a resenha e o livro não é grande, rapidinho lê... :)

    ResponderExcluir