6 de mar de 2013

Resenha: Morte Súbita

Morte Súbita

Informações:

Título original: The Casual Vacancy
Tradução e edição: Izabel Aleixo e Maria Helena Rouanet
Páginas: 512
Formato: 230 x 155 cm
Lançamento: 12/2012
ISBN: 9788520932537 
Preço: R$49,90









Sinopse:
Quando Barry FairBrother morre inesperadamente aos quarenta e poucos anos, a pequena cidade de Pagford fica em estado de choque.
A aparência idílica do vilarejo, com uma praça de paralelepípedos e uma antiga abadia, esconde uma guerra.
Ricos em guerra com os pobres, adolescentes em guerra com seus pais, esposas em guerra com os maridos, professores em guerra com os alunos… Pagford não é o que parece ser à primeira vista.
A vaga deixada por Barry no conselho da paróquia logo se torna o catalisador para a maior guerra já vivida pelo vilarejo. Quem triunfará em uma eleição repleta de paixão, ambivalência e revelações inesperadas? Com muito humor negro, instigante e constantemente surpreendente, “The Casual Vacancy” é o primeiro livro para adultos de J.K. Rowling.

Por Ju Oliveira: 

No evento preparado pelo Resumo de Letras em parceria com a Editora Ediouro para discussão do livro, percebi que muitos dos presentes estavam receosos com relação à leitura. Queriam saber sobre o que era, se seguia um estilo diferente de Potter, se nós tínhamos gostado. Bem, eu gostei. Sendo bem sincera, não considero o tipo de livro que entra para lista de favoritos, mas certamente é um que vai te prender do início ao fim.
J.K. Rowling tem a inegável capacidade de criar bons personagens. A questão de Morte Súbita é que não criei nenhum laço ou apego com personagem algum. Conversando com alguns conhecidos que também leram, percebi que expressavam o mesmo sentimento. O interessante pra mim foi me ver compreendendo esses personagens, não necessariamente gostando deles. Lemos o lado deles e entendemos como se sentem, mesmo que não tenhamos estabelecido qualquer tipo de laço, alguma catarse nos é imposta graças ao bom desenvolvimento tridimensional desses personagens de ficção. Fica bem claro durante a leitura as motivações de cada um deles, sem hipocrisias. A narrativa flui de um para o outro sem um foco específico em tornar alguém "o herói" ou "o vilão". 
Todos os resultados e ambições políticas que começam a surgir fervorosamente após a morte de Fairbrother são vistas do impulso pessoal para suas expressões na esfera externa e não o contrário. O panorama político de Pagford é compreendido a partir das visões individuais dos que buscam o poder local e dos que sofrem com suas decisões.O que senti mais falta mesmo foi um desfecho mais amarrado da história, apesar das grandes sacadas das relações que a autora estabeleceu entre os personagens. O fim do livro ficou, para mim, dando a entender o rumo que a história seguiria, não necessariamente esclarecendo o fechamento das situações exploradas e desenvolvidas ao longo da narrativa. Podem até me convencer da suposta genialidade aí presente, mas enquanto não o fazem, permaneço achando que Rowling pecou nisso.
De qualquer modo, vale a pena sim comprar e ler Morte Súbita, um livro que mostra a todos que duvidaram, achando que a autora permaneceria sempre como autora de um só tipo de livro, de um determinado estilo preso à fantasia. J.K. Rowling demonstra sua habilidade novamente, dessa vez criando um mundo bem menor que aquele que acostumou seus leitores, um mundo menor e que exige menos criatividade, sem deixar, em nenhum momento, de ser tão rico quanto o anterior. A autora impressiona criando personagens e enlaces que saem da visão trivial de um local aparentemente pacato e demonstram as ambições e motivações interiores de pessoas comuns que se mostram extraordinariamente bem construídas.

2 comentários:

  1. Gostei muito da sua resenha, que legal vc ter participado de um evento para discutir o livro. Eu também gostaria!

    Também fiz uma resenha do livro, confira em meu blog: http://donnaflaviaa.blogspot.com.br/2013/01/resenha-morte-subita.html

    Aguardo seu comentário *-*

    ResponderExcluir
  2. muito boa a sua resenha...to louco pra ler morte subita...

    ResponderExcluir