31 de mai de 2012

Lançamentos de Junho da Editora Intrínseca


1/6 – O torreão, de Jennifer Egan – Vencedora do Pulitzer de Ficção de 2011 por A visita cruel do tempo, em O torreão Jennifer Egan subverte os limites entre realidade e imaginação nesse romance neogótico sobre a bizarra estadia de Danny em um castelo medieval na Europa. 








11/6 – Vaclav & Lena, de Haley Tanner – Em seu romance de estreia, o autor prova que “felizes para sempre” nunca é uma conclusão garantida. Vaclav e Lena parecem destinados um ao outro, mas o abrupto desaparecimento de sua amada marcará as noites de Vaclav pelos sete anos seguintes.








15/6 – Desejos dos mortos, de Kimberly Derting – No segundo livro da série The Body Finder, Violet Ambrose continua tentando manter seu segredo — o dom de encontrar os corpos de vítimas de assassinato —, mas involuntariamente torna-se objeto de uma perigosa obsessão. Ao mesmo tempo, ela se dedica a investigar a família do recém-chegado Mike, novo amigo de Jay, e acaba descobrindo uma verdade capaz de colocar todos eles em perigo.






15/6 – Abraham Lincoln: Caçador de vampiros, de Seth Grahame-Smith - Edição especial com capa inspirada no cartaz do filme sobre a história do famoso presidente dos EUA, um exímio caçador de vampiros e outros seres sobrenaturais.







 

18/6 - Resposta certa, de David Nicholls Na comédia de David Nicholls, autor do best-seller Um dia, o ano é 1985, e o estudante universitário Brian Jackson apostas todas as suas fichas em um programa de TV para conquistar a garota de seus sonhos.








 22/6 – Caminhos de sangue (Blood Red Road), de Moira Young – Vencedor do Costa Children’s Book Award em 2011 e do BC Book Prizes 2012, o primeiro livro da série Dustlands é uma aventura grandiosa, ambientada em um mundo futurista e violento. Na série distópica, Saba e seu irmão gêmeo, Lugh, sempre viveram no deserto da Lagoa de Prata. Quando uma gigantesca tempestade de areia chega trazendo quatro cavaleiros encapuzados, Lugh é capturado e Saba embarca em uma longa jornada para resgatá-lo.









Um comentário: