10 de jun de 2012

Fifty Shades of Grey


Fifty Shades of Grey, nada menos que o título do momento, já tem sua data de lançamento no Brasil: 1 de agosto de 2012.






A trilogia Cinquenta tons de cinza entra esta semana em pré-venda nas principais livrarias do país. Com capas e títulos já divulgados da publicação brasileira, afinal, são as mesma capas da versão americana e [obrigado, Intrínseca, eu adoro vocês por isso!] tradução literal, ou o mais próximo disso, dos títulos. Alguns questionam sobre a qualidade de conteúdo do livro, mas números são números e nos Estados Unidos, os resultados de venda são nada menos que surreais: somam-se mais de 10 milhões de cópias comercializadas em seis semanas. Ou seja, sucesso absoluto.

Estreia literária da inglesa E L James — uma ex-executiva da TV londrina, mãe de dois filhos adolescentes e recentemente eleita uma das 100 pessoas mais influentes do mundo pela revista Time —, a trilogia teve direitos de publicação adquiridos por 37 países em leilões disputadíssimos. Os livros Cinquenta tons de cinza, Cinquenta tons mais escuros e Cinquenta tons de liberdade tiveram seus direitos comprados por cerca de US$45 mil pela Editora Intrínseca.

A apimentada trilogia narra a relação entre uma recatada jovem de 22 anos, recém-egressa da universidade, e um enigmático (e atormentado) empresário. Estimulada a desafiar seus limites e preconceitos, Anastasia Steele contrapõe a irresistível atração que sente por Christian Grey — um bilionário muito charmoso, brilhante e, ao mesmo tempo, intimidante — às singulares exigências sexuais que ele impõe, a começar por um contrato assinado que permite a Grey o controle completo de sua vida.

Os fãs mais devotos da Saga Crepúsculo e os leitores mais assíduos de fanfics certamente já devem conhecer a história, afinal, James publicava seus contos sob o codinome “Snowqueens Icedragon” em sites de fanfics, quando a história ainda se chamava “Masters of the universe” e os personagens respondiam pelos mesmos nomes dos de Stephenie Meyer: Edward Cullen e Bella Swan. Ela acabou reescrevendo os contos como histórias originais e publicando-os em seu próprio site, antes de vendê-los a uma editora.

A campanha de lançamento dos livros no Brasil terá início em julho, um mês antes da publicação do primeiro volume. A expectativa para o desempenho nacional é grande: Cinquenta tons de cinza é um livro diferente de tudo a que o público brasileiro já teve acesso. Nos três livros da série, a autora E L James constrói uma narrativa libertadora e totalmente viciante, que domina a atenção do leitor até a última linha — uma viagem de autodescoberta surpreendente.

Fontes: Intríseca e O Globo.

Um comentário:

  1. Gostei da Trilogia, ainda não a conhecia e achei interessante.
    Acho que posso gostar muito.

    Ainda não conhecia o blog ainda. Parabéns e continue com muito sucesso. Já estou seguindo ;D

    Pausa Para um Café - Resenha de Livros

    ResponderExcluir